Esta informação foi útil?
Atualizado em: 17-09-2020

A quem se aplica

Esta medida é aplicada a Entidades Empregadoras abrangidas pelo Apoio à Retoma Progressiva e aos trabalhadores independentes com trabalhadores ao serviço abrangidos pela medida do Decreto-Lei nº 46-A/2020, de 30 de julho.

 

O empregador não pode beneficiar simultaneamente do Apoio à Retoma Progressiva e:

  • Dos apoios previstos no Decreto-Lei n.º 10-G/2020, de 26 de março, na sua redação atual (layoff simplificado e plano extraordinário de formação);
  • Das medidas de redução ou suspensão previstas nos artigos 298.º e seguintes do Código do Trabalho;
  • Do incentivo extraordinário à normalização da atividade empresarial previsto no Decreto-Lei n.º 27-B/2020, de 19 de junho

A que tem direito

Qual a duração da isenção ou dispensa parcial

O que fazer

Perguntas Frequentes