Quem somos

O Instituto O Instituto

O Instituto de Gestão de Fundos de Capitalização da Segurança Social, IGFCSS, IP, criado pelo Decreto-Lei 449-A/99 de 4 de novembro, tendo alterado a sua lei orgânica pelo Decreto-Lei n.º 216/2007 de 29 maio e mais recentemente pelo Decreto-Lei n.º 203/2012, é uma pessoa coletiva de direito público, dotado de autonomia administrativa, financeira e patrimonial, com a natureza de instituto público, incluído nos organismos de administração indireta sob superintendência e tutela do Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social.

Missão, Visão e Valores Missão, Visão e Valores

Visão
Ser um organismo de elevado valor para o Estado.

 

Missão
O Instituto de Gestão de Fundos, IP tem como missão maximizar o valor dos ativos sob gestão, de acordo com as necessidades de longo prazo dos clientes.

 

Valores
O Instituto de Gestão de Fundos pauta-se, na prossecução dos seus objetivos, por um conjunto de valores basilares de que os colaboradores do Instituto prestam provas diárias:


Responsabilidade Pública: “Somos um organismo da Administração Pública”


Eficiência: “Medir, gerir, criar valor”
Solução de investimento mais eficiente.


Resultados: “Fazer acontecer”


Gestão do Risco: “É nisto que somos especiais!”
Preservando a continuidade de negócio, gerimos o risco de mercado a partir de uma opinião própria que integra os horizontes de curto, médio e longo prazo.

 

Igualdade Género: “Prosseguimos em todos os atos a igualdade entre mulheres e homens, bem como a conciliação entre a vida profissional, a vida familiar e pessoal”.


 

Principais atribuições Principais atribuições

As atribuições do IGFCSS, I.P. consistem na gestão de fundos, em regime de capitalização, em especial, os fundos pertencentes a sistemas previdenciais do Estado e, complementarmente, na oferta dos seus serviços e das suas competências na gestão de patrimónios autónomos do Estado suscetíveis de serem investidos no médio e longo prazo.


O IGFCSS, I.P. gere o Fundo de Estabilização Financeira da Segurança Social (FEFSS) e o Fundo dos Certificados de Reforma (FCR).


O FEFSS foi criado pelo decreto-lei nº 259/89, de 14 de agosto, e tem como objetivo a estabilização dos saldos da Segurança Social. Nos termos da Lei de Bases da Segurança Social, nº4/2007, de 16 de janeiro, são dotações do FEFSS dois a quatro pontos percentuais do valor percentual correspondente às quotizações dos trabalhadores por conta de outrem, os saldos anuais do sistema previdencial e as receitas resultantes da alienação de património. Constituem ainda receitas do FEFSS os proveitos resultantes das aplicações financeiras realizadas.


O FCR, criado pelo decreto-lei nº 26/2008. de 22 de fevereiro, tem como objetivo permitir a obtenção de um complemento de reforma através de contribuições para um fundo de contribuição definida e capitalização real.


A missão do Instituto é maximizar o valor dos ativos sob gestão, de acordo com as necessidades de longo prazo dos clientes.


O IGFCSS, IP desenvolve um processo de negócio que é o da gestão de ativos. O negócio de gestão de ativos consiste na tomada de decisões de investimento em ativos financeiros e imobiliários tendo em vista a otimização da relação rentabilidade/risco de cada Fundo.


A gestão de ativos é uma atividade marcada por elevadas exigências de especialização técnica, controlo de riscos, eficiência, credibilidade e defesa, independente, dos interesses dos clientes.
 

Estrutura orgânica Estrutura orgânica

 Organograma

 

 

 Conselho Diretivo

Presidente: Mestre José António da Silva Vidrago
Vogal: Dra. Teresa Paula Mota Raimundo

 

 

 Conselho Consultivo

Presidente: Dr. Francisco António Lobo Brandão Rodrigues Cal

Mestre Emanuel Augusto dos Santos

Dra. Maria Isabel Ponte Duarte Mestre Barreiros

Representante IGFSS, IP: Dra. Teresa Maria Silva Fernandes

Representante IGCP, EPE: Dr. António Pontes Correia
Representante CGTP-IN: Dr. Tiago Cunha
Representante UGT: Sr. Sérgio Alexandrino Monteiro do Monte

Representante CAP: Dra. Cristina Isabel Jubert de Nagy Morais
Representante CCP: Dr.ª Ana Cristina Coelho Vieira
Representante CIP: Dr. Rafael Campos Pereira
Representante CTP: Dr. Nuno Bernardo
 

História História


O IGFCSS, IP foi criado em 1999 e sucedeu ao Fundo de Estabilização Financeira da Segurança Social (FEFSS) que era até então, simultaneamente, fundo e entidade gestora. O IGFCSS, I.P. assumiu assim o papel, autónomo, de entidade gestora de fundos em regime de capitalização, podendo disponibilizar esses serviços a entidades públicas e privadas.


No seguimento da reflexão estratégica, encetada em 2003 o Instituto definiu como objetivo estratégico ser reconhecido como o gestor público de ativos, isto é, a entidade que na administração pública possui a especialização necessária e oferece soluções adequadas de investimentos a custos competitivos.


Desde então, o Instituto encetou um esforço sistemático no sentido de adotar as melhores práticas no desenvolvimento da sua atividade principal de gestão de ativos. Desde 2003 que o Instituto trabalha por objetivos e por projetos e, desde 2004, assumiu a Qualidade como uma das linhas orientadoras do seu desempenho, tendo, em 2006, obtido o certificado Committed to Excellence da European Fundation for Quality Management. No mesmo ano de 2006, o FEFSS, pelo seu modelo de investimento, foi distinguido pela revista Investments & Pensions Europe como o melhor fundo de pensões em Portugal, voltando a ser distinguido com este prémio em 2009 e 2010. Também em 2010 o (FEFSS) foi premiado com um Certificado de Mérito pelo projeto “Dynamic Strategic Asset Allocation”.


Até ao final do ano de 2006 o Instituto privilegiou o esforço para estruturar e medir os seus processos, tendo desenvolvido um sistema de informação de gestão para monitorizar os seus resultados.

 

Concretizou-se assim a máxima MEDIR, GERIR, CRIAR VALOR.


Em junho de 2007 foi alterada a orgânica do Instituto, mantendo as atribuições anteriores.
Em novembro do mesmo ano a APCER atribuiu ao Instituto a certificação no âmbito da atividade de Gestão de Ativos em conformidade com a norma NP EN ISO 9001:2000, um marco no projeto de descrição de todos os processos desenvolvidos pelo Instituto tendo em vista a standardização dos procedimentos e a libertação dos recursos humanos para tarefas de maior valor acrescentado, com maior componente inovadora, enfim, realizar o compromisso com a melhoria contínua.


O IGFCSS, IP aumentou, a partir de abril de 2008, o número de fundos sob gestão com a criação do Fundo dos Certificados de Reforma destinado a servir de veículo comum ao reforço da proteção social individual no âmbito do Regime Público de Capitalização (RPC), o regime de iniciativa pública que se insere no sistema complementar de Segurança Social previsto na Lei de Bases de Segurança Social.


Em 2009 o Fundo de Estabilização Financeira da Segurança Social (FEFSS) foi considerado o melhor Fundo de Pensões Português, na cerimónia anual promovida pelo IPE-Investments & Pensions Europe, voltando a ser distinguido com este prémio em 2010.

 

Em março de 2010 o FEFSS foi premiado com um CERTIFICADO DE MÉRITO pelo projeto “Dynamic Strategic Asset Allocation”, atribuído pela ISSA – International Social Security Association.

 

Desde então, o IGFCSS, IP renova/transita a certificação da atividade de Gestão de Ativos em conformidade com a norma NP EN ISO 9001:2008.

 

Sob esta orientação o Conselho Diretivo tem como intuito desenvolver no Instituto uma cultura de excelência, promover o nome do Instituto como entidade pública especializada na gestão de ativos de Fundos do Estado, competente, competitiva e eficiente e merecedora de confiança nos seus processos.
 

Prémios e reconhecimentos Prémios e reconhecimentos

IPE Awards 2010

O Fundo de Estabilização Financeira da Segurança Social (FEFSS) foi considerado o melhor Fundo de Pensões Português pelo Investment and Pensions Europe.

 

 

CERTIFICADO DE MÉRITO ISSA / ISSA Good Practice Awards Europe Competition 2010

O Fundo de Estabilização Financeira da Segurança Social (FEFSS) foi premiado com um Certificado de Mérito com o projeto “Dynamic Strategic Asset Allocation”. A cerimónia decorreu em Warsaw, na Polónia, a 3 de março de 2010.

 

IPE Awards 2009

O Fundo de Estabilização Financeira da Segurança Social (FEFSS) foi considerado o melhor Fundo de Pensões Português, na cerimónia anual promovida pelo IPE-Investments & Pensions Europe, que decorreu em Dublin no dia 18 de novembro.

 

Prémio Informação de Gestão

O Instituto de Gestão de Fundos de Capitalização da Segurança Social, IP foi o vencedor do prémio na Categoria de Informação de Gestão com o projeto "Exigência, Eficiência e Reconhecimento".

 

Prémio Boas Práticas no Sector Público

O Instituto de Gestão de Fundos, IP obteve o 2º lugar no Prémio Boas Práticas no Setor Público, 6ª Edição, na categoria Gestão Financeira, com o projeto Medidas de Atribuição do Excess Return.

 

 

IPE Awards 2006

Prémio de melhor fundo de pensões em Portugal em 2006 atribuído pela revista IPE – Investments & Pensions Europe.

Contactos Contactos

IGFCSS, I.P. - Sede
Av. Fernão Magalhães, 1862 - 3º

Edifício Torre das Antas
4350-158 Porto

 

Telef: +351 225 082 400
Fax:   +351 225 082 400

 

Correio eletrónico: IGFCSS@seg-social.pt
________________________________________
IGFCSS, I.P. - Delegação Lisboa

Praça de Londres, n.º 2 - 13º
1049-056 Lisboa

 

Telef: +351 211 155 260
Fax:   +351 211 155 269

 

Correio eletrónico: IGFCSS@seg-social.pt